sexta-feira, 1 de dezembro de 2006

NOTÍCIA DE JORNAL

Teotônio Valadão, 37 anos, foi preso ontem à noite por realizar atos de conduta libidinosa imprópria, juntamente com um grupo, formado por três travestis e um anão, à beira da estrada, a 37 km da cidade de ------, em plena luz do dia. A polícia, que passava casualmente pelo local, impressionou-se com o movimento incomum de arbustos que ficam à margem da pista. Ao adentrarem a mata, surpreenderam o grupo engajado na sua empreitada, em posição que o capitão classificou como "inusitada e talvez desconfortável".

Um dos travestis declarou que Teotônio, que estava no assento do passageiro em veículo conduzido pelo anão, os teria abordado pela madrugada, para requisitar os seus serviços. Acordados os preços, ter-se-iam dirigido desde a esquina chamada pelos travestis de seu "ponto de engate" até ao local, este escolhido por Teotônio, ao qual ele teria referido pelo nome de "igrejinha verde".

Levado de volta ao posto policial, Teotônio alegou não estar plenamente consciente dos seus atos no interim: "esse aí [o anão] me deu umas doses de não sei o quê". Os travestis foram liberados desde o local do flagrante, entendendo o oficial encarregado que os mesmos somente exerciam o seu trabalho. Teotônio foi formalmente acusado de atentado ao pudor. O anão recebeu advertência e multa, dado que o seu veículo se encontrava sem a documentação exigida.

Mark Tindo não presenciou a cena e nega qualquer envolvimento.

2 comentários:

Anónimo disse...

Eu conheço algum desses travestis?


cata-corno google de hoje: sintomas de gravidez.


Danina

Gleidson disse...

Não sabia q vc estava envolvido ué vc mudou de nome teotonito? pensei q esse era seu nome q coisa é essa de marktinho? kkkkkkkkkk flw rapaz