sexta-feira, 10 de outubro de 2008

O DESESPERO DA VÉSPERA

Ai de nós, infelizes fêmeas velhas, passou-nos a idade de agradar, mesmo aos inocentes; e nós horrorizamos as criancinhas que queremos amar!
 
 
 

Sem comentários: