sábado, 21 de janeiro de 2012

Sabeis o que mais dói? É não conseguir odiar.

Sem comentários: