segunda-feira, 8 de abril de 2013

FOSTE TU

Foste tu
A envolver-me em nuvens
Foste tu
Fazer cair meu céu
Foste tu
Quem me levou alhures
Foste tu
Foste tu
Quem fez meu pejo troféu


3 comentários:

Anónimo disse...

Se fui a feitora de tanto, não sei. Mas tenha uma certeza para si, fizestes estrago equivalente, se não maior desse lado. Estou tentando limpar a bagunça e voltar à normalidade, então se a quer de volta, apenas se quiser, ajude-me a fazê-lo.

Anónimo disse...

quantos ladrões de corações?! conte-nos mais sobre este que a ti roubou, Poeta.

M.Tindo disse...

São vocês anônim@s, que me amam tanto. :)