quarta-feira, 1 de janeiro de 2014
















E se não houver anjos para me susterem nas suas mãos...?

Sem comentários: